Evermonte Insights

Executivo de RH no conselho: contribuições e desafios

executivo-de-rh-no-conselho-contribuicoes-e-desafios

A mudança de mindset das organizações impôs transformações na composição e no papel dos conselhos corporativos, que passaram a priorizar a governança corporativa, com foco principal na revisão de suas estratégias de negócios e no gerenciamento de profissionais. 

Ao longo dos últimos anos, mudanças profundas e aceleradas no ambiente dos negócios, impactaram de forma direta e indireta as organizações. À medida que a avaliação estratégica dos negócios torna-se predominante, surgem desafios e oportunidades no âmbito corporativo. 

Os conselhos estão se concentrando cada vez mais em questões relacionadas ao bem estar dos profissionais, cultura organizacional, planejamento de sucessão, diversidade e inclusão. E os números demonstram isso. De acordo com a Equilar, dados sobre liderança corporativa, o número de Executivos de RH nomeados para os conselhos de empresas de capital aberto triplicou desde 2005.

Pela pesquisa da National Association of Corporate Directors (Associação Nacional de Diretores Corporativos) de 2021, a presença de novos membros do conselho com formação em RH quase dobrou de 2018 a 2020, de 6% para 11%. Isto exige que seus executivos tenham experiências e conhecimentos diferentes dos exigidos pelos conselhos tradicionais focados em finanças, plano e previsão.

O que contribui para o processo do executivo de RH no conselho?

O reconhecimento da necessidade e da importância do papel do executivo de RH pelos conselhos, contribuindo com voz única para ajudar os diretores no gerenciamento das questões relacionadas às pessoas, ganha cada vez mais espaço entre os conselheiros.

Com questões como o capital humano sendo considerados críticos para o sucesso de uma organização, a procura por profissionais com uma sólida experiência no desenvolvimento e liderança de talentos, design e desenvolvimento organizacional, habilidades essenciais para lidar com pessoas, passam a contribuir significativamente para esse processo. Não somente os chefes administrativos e políticos, os executivos de RH agora também ocupam o C-suíte.

Há quem associe a demanda por estratégia de cultura e talento das organizações ao período pandêmico. De fato, as mudanças sísmicas que ocorreram no mercado de trabalho durante a pandemia do COVID-19 levaram os líderes corporativos a procurar executivos de RH para uma série de questões relacionadas aos horários remotos e híbridos justos e sustentáveis, programas de bem-estar para combater o esgotamento e redesenho de escritórios para atrair os trabalhores de volta, para além da orientação sobre estratégias de atração e retenção conhecidas. 
De acordo com o ISS ESG, Institutional Shareholder Services, a parcela de cargos de diretoria em empresas do S&P 1500 com habilidades específicas de recursos humanos aumentou para 19,4% em janeiro de 2022, em comparação com 11,3% em 2020. Uma pesquisa do conselho da EY de 2019 mostrou que 80% dos diretores, disseram que seus conselhos passaram mais tempo discutindo estratégias de talentos do que nos cinco anos anteriores, o que comprova que as companhias já estavam se dando conta que sem estratégia de talentos ou uma cultura corporativa saudável, até mesmo grandes estratégias de negócios podem fracassar.

Quais as contribuições do executivo de RH no Conselho?

As contribuições do Executivo de RH no Conselho vão desde o mais importante, como a capacidade de um líder de RH de obter insights dos dados apresentados e conectar estrategicamente as prioridades de negócios com o gerenciamento de capital humano, alavancando efetivamente a cultura, a liderança e os valores. Até contribuições indiretas e significativas para a companhia, como a participação feminina no conselho.

Um dado muito relevante, segundo o censo da Catalyst, é que menos de 1 a cada 5 membros de um conselho corporativo de uma grande organização é do sexo feminino. No entanto, a maioria dos executivos de RH são mulheres. Pesquisas mostram que organizações com liderança com diversidade de gênero são mais propensas a ter crescimento sustentável, receita e lucros médios mais altos e relatar ganhos por ação mais altos do que empresas sem diretoras. 

Além dos esforços de diversidade e inclusão, os líderes de RH nos conselhos podem ajudar a mitigar riscos. Uma cultura de empresa ruim, uma prevalência de assédio e liderança ineficaz são apenas algumas das áreas que podem inviabilizar rapidamente uma organização. Ao ter essa experiência nos conselhos e moldar o gerenciamento e a direção da organização, ela estará mais bem equipada para lidar com as crises quando elas surgirem e terá planos para ajudar a mitigar o impacto.

Dentre os principais desafios que as organizações enfrentam hoje, estão questões relacionadas à:

  1. Escassez de talentos;
  2. Design organizacional;
  3. Cultura da empresa;
  4. Bem-estar dos colaboradores;
  5. Desenvolvimento de talentos;
  6. Diversidade e inclusão.

Os profissionais de RH fazem contribuições práticas para superar esses desafios: estão predispostos a pensar primeiro nas pessoas e em como mudanças específicas afetarão a equipe e a cultura; fornecem diversidade de perspectiva aos conselhos, devido ao longo camino que conseguem percorrer; a perspectiva estratégica para o futuro do trabalho é pavimentada com uma infinidade de desafios relacionados às pessoas; D&I (Diversidade e Inclusão), confiança, sustentabilidade e novas formas de trabalho. Um especialista em RH no conselho, ajuda a enfrentar esses últimos. 

Além das implicações operacionais, o impulso para uma estratégia de força de trabalho mais inteligente é uma mudança de mentalidade. Essa mudança de mentalidade é importante à medida que as empresas embarcam em reescrever todas as suas estratégias de negócios e manuais de operações para o futuro remoto/híbrido, consciente do clima e socialmente responsável.

Agilidade como moeda de valor no mundo dos negócios: o RH Ágil

Quais obstáculos os executivos de RH devem superar para ampliar suas contribuições?

Para operar com sucesso, eles devem ser tão flexíveis quanto o ambiente de negócios é dinâmico e complexo. Isso significa que estes profissionais devem possuir experiência multifuncional e força operacional

Muitos executivos de RH passaram a maior parte de suas carreiras implementando as melhores práticas em tarefas e desafios específicos de RH – contratação, gerenciamento de desempenho, planos de remuneração, treinamento e desenvolvimento e assim por diante, tornando-se especialistas para essas questões, mas não necessariamente para a solução de problemas estratégicos

Para se tornarem melhores parceiros estratégicos, estes profissionais devem ser capazes de ver as questões de negócios da perspectiva de seus CEOs e diretores, apresentar soluções pensadas e criativas e, em seguida, comunicá-las em termos que seus colegas entendam. 

Algumas ações, como estabelecer uma boa reputação com o comitê de remuneração, geralmente é a primeira exposição que um executivo de RH terá em seu conselho; atualizações de RH em um contexto mais amplo, usando métricas, para mostrar como as mudanças na contratação ou no engajamento afetam o retorno do investimento; enfatizar sua capacidade de treinamento, contribuindo para que todo o C-suite funcione bem em conjunto, são esforços necessários despendidos pelos profissionais de RH do mais alto nível e que empregam as melhores práticas para todos os seus desafios.

Isso tudo aumenta a satisfação e as expectativas das partes interessadas, ao mesmo tempo em que criam confiança entre a empresa e o profissional. No cenário atual, o RH tem a capacidade e a oportunidade de ajudar sua organização a ter sucesso – uma oportunidade que não pode ser perdida.

Implemente mudanças empresariais com executivos(as) preparados(as) para as transformações que a empresa deseja. Escolha a Evermonte para estruturar e agir na busca dos melhores C-Levels e Conselheiros para a sua companhia.


Siga a Evermonte nas redes sociais para ficar por dentro de nossos insights e projetos.

Instagram | Facebook | Twitter | LinkedIn

www.evermonte.com

Compartilhe esse artigo:

Insights Recentes

Anterior
Próximo

Inscreva-se para receber nossa newsletter.

Queremos
escutar você

Entre em contato:

Porto Alegre

Av. Praia de Belas 1212 – 1123
CEP 90110-000
51 3533-8460

Florianópolis

Rua Bocaiuva, 2125 2º andar
CEP 88015-530
(48) 3029-3460

A Evermonte faz parte do grupo Evermonte Executive Search. Grupo de recrutamento e seleção executivo com reconhecida experiência no mercado nacional. A Evermonte está estruturada com as melhores práticas digitais para atender os mais complexos projetos no território brasileiro realizando o recrutamento e seleção de profissionais para alta gerência, C-Level e Top Management.

Este site faz uso de cookies. Ao acessar o site www.evermonte.com , você concorda com a inclusão de cookies em seu dispositivo.

Queremos
escutar você

Entre em contato:

São Paulo

Av. Brigadeiro Faria Lima, 4.221 – 1º Andar 
CEP 04538-133
(11) 2657-7314

Porto Alegre

Av. Praia de Belas 1212 – 1123
CEP 90110-000
(51) 3533-8460

Florianópolis

Rua Bocaiuva, 2125 2º andar
CEP 88015-530
(48) 3029-3460

A Evermonte faz parte do grupo Evermonte Executive Search. Grupo de recrutamento e seleção executivo com reconhecida experiência no mercado nacional. A Evermonte está estruturada com as melhores práticas digitais para atender os mais complexos projetos no território brasileiro realizando o recrutamento e seleção de profissionais para alta gerência, C-Level e Top Management.